UOL Blog - Comentários

Você já tem o seu blog? Não?
Então crie o seu. É de graça.


[Elizete]
Claudia , nunca tive coragem de comentar seus postes, embora não faltassem vontade . Sempre me senti envergonhada de não poder gerar um filho , por culpa das cobranças familiares , depois descobri que o real motivo da vinda do bb, ñ eram minhas e sim do meu marido ,hj vivo angustiada sem chão .

23/08/2013 20:54

RESPOSTA:
Elizete
Só agora vi o seu comentário. Encerrei o blog há quase um ano. Mas fico feliz de vc ter podido se manifestar. Dividir as angustias e o melhor caminho para aliviá-las. Tente ficar bem e buscar outras motivações na vida. Bjs, Claudia


[marilia] [mariliamonteverde@yahoo.com.br]
Claudia acompanho vc desde que tentei engravidar,foram 3 abortos ,8 anos de lagrimas e a chegada de Eduarda,qdo eu havia desistido,como vc fala,ha proposito pra todas,a maternidade chega pra quem deve chegar,mas essa busca nao deve ser feita de forma destrutiva ,e se ela nao vier que a vida seja regada com alegrias diversas,trabalho cursos,adoçao. Tb enxuguei minhas lagrimas lendo vc. Meu muito obrigada.

14/10/2012 18:36

[LUCIANA CAIADO] [lucy.sp@bol.com.br]
lutar pelo que se deseja é muito importante, nos torna mais forte, mas a decisão de desistir nao é facil. Isso nos torna, nao mais fortes, mas mais altivos. Adoçao hoje ja nao é tabú. Tenho muitos conhecidos com filhos e com filhos que foram adotados, sem distinção. Tenho amigas que ficaram 10 anos gasntando muitos reais para conseguirem ser maes e hoje sao maes de crianças adotivas. E outras que apos 7 anos tentando, adoraram e em seguida ficaram gravidas... Acho que tudo tem um proposito de Deus... o importante é tentar :) So pra nao ficar o gosto de "poderia ter feito mais e melhor..."

05/08/2012 12:10

[claudia]
Querida, não há polianismo, o que há é o respeito à si mesma. A vida imaginária não pode ser melhor que a vida vivida. Vc é um ser muito especial, que muito ajuda com os seus textos. Eu tenho dois filhos de 8 e 6 anos, mas quando eu não tinha nenhum, foi com a sua ajuda e a ajuda de outras aqui que muitas vezes sequei minhas lágrimas. Que a maternidade chegue pra quem tem que chegar, mas que a alegria de viver chegue para todas. Bj. Claudia.

02/08/2012 07:52

[Angela]
Cláudia, suas mensagens trazem muito conforto para mim. Obrigada sempre!

01/08/2012 22:16

[Jamile]
Agradeço pelo carinho q. v. sempre tem conosco.

31/07/2012 17:43

[Ana Lucia] [analucia_limongi@hotmail.com]
Parabéns Claúdia, como sempre muito coerente, lembro de qdo escreveu dizendo que tinha chegado a sua hora de parar e hoje eu creio que a minha hora tbm chegou, é dificil demais admitir mas temos que ser felizes e seguir, hoje não me sinto mais como antes, me sinto uma mulher sem filhos e só isso, afinal ter filhos não é lei.Hoje eu vivo muito melhor. bjs

31/07/2012 08:10

[Luciana Leis] [luciana_leis@hotmail.com]
Oi, Cláudia! Faço das suas palavras as minhas! Penso exatamente como vc! A luta por um filho é muito importante, porém, cada pessoa tem um limite individual (e que deve ser respeitado por ela mesma) nessa busca. Se reinventar nesse processo é muito saudável, assim como, reavaliar a busca pelo filho biológico. Ampliar a possibilidade de maternidade para a adoção tradicional ou adoção de gametas pode ajudar em muitos casos, porém, para outros, desinvestir desse filho e investir em outros projetos de vida, ou seja, outros "filhos simbólicos" também pode ser uma saída interessante. Penso que esse post vai ajudar muitas mulheres! Bjos Luciana Leis

30/07/2012 18:53


Deixe seu comentário
 
Nome 
E-mail 
Site/Blog 
Comentário:

 Caracteres restantes : 1000

Atenção: Conheça as regras de uso do blog.



[fechar a janela]